Buscando no mundo...

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Um Tipo de Brasil na Copa da África

Quero comentar hoje que tipo de Brasil nós somos. Todo mundo já ouviu aquela ladainha: "o Brasil é um país de proporções continentais, em que mora a pluridiversidade de culturas, razão pelas quais há diferenças sociais muito destacadas nas variadas regiões da nossa nação, o que proporciona uma verdadeira babilônia de idéias entre as comunidades que constituem esse imenso estado..." e por aí a fora, bla, bla, bla!!!
Pois bem! Um povo que se sujeita à terceirização da formação de opinião estará fadado a perder a criticidade, e iniciará um processo de revigoração dos mitos pessoais e particulares de cada comunidade. Quando determinadas lideranças sobressaem do âmago das comunidades e, na coletividade das lideranças, uma desponta por ser eleita por essa minoria, um imenso desfiladeiro inicia a fendar a estrutura do corpo do povo: o povo não manda mais, pois o povo não pode ser só um, mesmo que ache isso inconcebível.
O povo brasileiro sempre criticou o Dunga. Em 88 nas Olimpíadas... em 90 na Itália (fracasso espalhafatoso, diga-se de passagem!)... e em 94, por quê não? O Brasil não ganhou da Itália. Empatou. Tanto que se perdesse, acharia o subterfúgio de que "pênalti é loteria", coisa de gente brasileira que não admite sua incompetência para diversas coisas. O Brasil (entenda-se: o brasileiro!) ainda elege incompetentes para certos cargos... mas o de técnico da Seleção Brasileira é instituído e endoçado pelo povo que aceita quieto (porque mesmo reclamando, não manifesta sua força, não pinta a cara e não faz greve de compras de grifes esportivas famosas). Este é o Brasil! Que leva gol da Tanzânia! Que leva gol da Coréia do Norte! Que leva gol da Venezuela! Que gasta mais do que tem.
Sim Brasil! Tome vergonha e diga ao mundo que você não queria o Dunga lá! Mostre a todos os povos como você gosta do estilo Pai de ser do Felipão (que até lembra o Getúlio, devido a seus atos "intravestiário")! O Brasil precisa de um pai que registre e reconheça a sua verdadeira identidade, pois sendo mestiço, e não tendo orgulho disso, não terá forças para melhorar o seu aspecto mais notável: ser o diferente entre os iguais! O Brasil deveria reconhecer seu jeito mulato, caboclo, cafuso, MESTIÇO! E não ficar se vendendo a grifes estrangeiras por qualquer ninharia. "Nos deram espelhos e vimos um mundo doente"... o Brasil não será a campeã da copa de 2010. Mas mesmo assim aceitam que mintam pra si!
Vamos Brasil! Vamos virar o jogo! Fora com os ditadores silenciosos por trás das máquinas de fazer propaganda! Não aceitem idéias prontas, e antes de endoçarem-nas, critiquem todas suas probabilidades de dar certo!
Rumo ao Hexa em 2014!

Socrates Quotes